Aula-teatro: nem aula, nem teatro

Por Clara Magalhães

O Núcleo de Sociabilidade Libertária, mais conhecido como Nu-Sol, é um programa de estudos pós-graduados em ciências sociais da PUC-SP que é voltado para a problematização das relações de poder nas sociedades, e para a criação de liberdades.

O grupo monta e apresenta, no Tucarena (do teatro TUCA, da PUC-SP) aulas-teatro, às quais os alunos podem assistir gratuitamente. Em breve depoimento, o Professor e Mestre em Ciências Sociais Acácio Augusto, integrante do Nu-Sol, esclarece o que é uma aula-teatro:
“Aula-teatro é antes de tudo, para o próprio Nu-Sol, uma experiência que busca traduzir, de uma maneira não convencional, um projeto de pesquisa. Nesse objetivo de traduzir as pesquisas, privilegiamos a forma estética de fazê-lo.
A aula-teatro não é nem teatro amador, nem uma aula tradicional. É uma experiência que busca romper com a frieza da exposição tradicional das salas de aula.
As aulas são escritas por dois ou mais integrantes do Nu-Sol, após pesquisa temática realizada por todos os integrantes; todos as leem e sugerem cortes ou acréscimos antes do início dos ensaios. Os textos não são representados, eles são apresentados. E por envolver todo o Nu-Sol, uma aula-teatro não é um processo acabado, e a cada apresentação o texto adquire novos contornos.
Existe nas aulas-teatro uma prática libertária do Nu-Sol: são autogestionárias e de ação direta. Traduz de forma ética e estética os temas trabalhados nas pesquisas.
Por fim, aula-teatro não é uma junção de aula e teatro. Ela se relaciona com a aula por expor um problema a partir de uma bibliografia, e se relaciona com o teatro por ser uma apresentação estética. Ou seja, não é nem aula, nem teatro.”

Na segunda feira, dia 02 de setembro, às 20 horas, será apresentada a aula-teatro “Limiares da Liberdade”, parte da programação da Semana de Ciências Sociais da nossa Universidade. Os ingressos podem ser retirados no dia do espetáculo uma hora antes da apresentação.